Leitor Impacto

Siga-nos nas redes sociais

O Crescendo da Profecia Messiânica

O Crescendo da Profecia Messiânica
(Desenvolvimento da Profecia Messiânica)

Asher Intrater

Tipos de Profecias Messiânicas
(Parte A)

Grandes composições musicais são construídas gradualmente entrelaçando instrumentos e melodias em um clímax abrangente, mas esse crescendo se apaga em comparação com a grande revelação do Mistério do Messias.

Há várias maneiras diferentes de ver e ouvir profecias sobre a vinda do Messias.
Há um desenvolvimento da compreensão do Messias:

Da lei de Moisés → aos profetas → aos Evangelhos → às epístolas.

A lei e os Profetas apontam para a vinda de Yeshua. Os Evangelhos e as epístolas explicam mais plenamente quem Ele é. Ao olharmos para o peso crescente do pensamento bíblico ao longo dos séculos (a “sinfonia”, por assim dizer), vejo oito diferentes tipos (ou “linhas melódicas”) de revelação profética apontando para o Messias:

  1. Heróis da Fé Messiânicos
  2. Símbolos Sacerdotais
  3. Profecias Diretas
  4. Experiências Reveladoras
  5. Aparições Diretas
  6. Exemplos da Natureza
  7. História do Povo de Israel
  8. Princípios Teológicos

1. Heróis da Fé Messiânicos

Esses heróis da fé podem ser vistos em quase todas as histórias da Bíblia. Cada um é um verdadeiro evento histórico, mas cada um também serve como um exemplo de parábola do Messias. Os exemplos são muitos para serem citados; eles abrangem, de longe, o maior material para entender a vinda do Messias.

Por exemplo, podemos ver Adão como o primeiro filho de Deus; Noé como aquele que salvou o mundo através da água; Abraão como um pai disposto a sacrificar seu filho; Judá estando disposto a ser preso para libertar seu irmão; José sofrendo após ser traído por seus irmãos e depois se tornando um líder mundial. E todos estes estão apenas em Gênesis.

Moisés é uma figura messiânica significativa. Ele sobe e desce entre Deus e o povo, mediando entre eles,  fazendo alianças, dando instruções divinas, estabelecendo o sacerdócio e até sendo glorificado.

A mais proeminente das figuras messiânicas entre os heróis bíblicos é Davi. Ele é o rei. O Messias é o maior rei na linha davídica. O Messias é “Ben David” – o Filho de David. Essa imagem é continuada no filho de David, Salomão, e nos reis de Judá. Yeshua disse que Ele era maior do que Salomão e maior do que Jonas (Mateus 12). A própria comparação é um exemplo do fato de que os heróis bíblicos eram vistos como figuras do Messias.

2. Símbolos Sacerdotais

Os símbolos sacerdotais estão principalmente na figura do animal do sacrifício sendo morto para pagar pela punição (expiação) do pecado humano. É também o Sumo Sacerdote ou o sacerdote que oferece o sacrifício para fazer expiação pelo povo. O Templo é descrito como o corpo de Yeshua. O Cordeiro da Páscoa é visto como o Messias sendo crucificado; as Primícias, como a ressurreição e assim por diante.

3. Profecias Diretas

Estas são aquilo que a maioria pensa em termos de descrições messiânicas. As profecias mais conhecidas vão de Isaías (nascido de uma virgem, cap. 7; luz do mundo, cap. 9, 42, 49; servo sofredor, cap. 53) a Miquéias (nascido em Belém, cap. 5), a Daniel (filho do homem diante do Ancião de Dias, cap. 7), a Zacarias (montando um jumento, cap. 9; transpassado, cap. 12; em pé no Monte das Oliveiras, cap. 14).
Há muitas profecias messiânicas nos Salmos e profetas anteriores. Uma das primeiras é o cântico de Ana (1 Samuel 2), no qual ela profetizou a ressurreição (versículo 6) e a vinda do rei ungido “Mashiach” – מלך משיח (verso 10).

4. Experiências Reveladoras

Estes ocorrem como um sonho ou revelação súbita. Ezequiel viu um Homem divino sentado no trono no topo da nuvem de glória (Ezequiel 1). Jacó O viu no topo de uma escada indo para o céu (Gênesis 28).  Jó viu seu Redentor vindo (Jó 19). Isaías O viu glorificado sentado em um trono (Isaías 6). Zacarias disse que o espírito de graça e súplica seria derramado para ver Aquele que Foi Transpassado (Zacarias 12). Balaão viu o Messias vindo em um futuro distante (Números 24).

5. Aparições diretas

Estas são chamadas de “cristofanias” e eu tratei delas profundamente no livro Quem Almoçou com Abraão?. O Deus-Homem messiânico almoça com Abraão (Gênesis 18); luta com Jacó a noite toda (Gênesis 32); aparece a Moisés em uma sarça ardente (Êxodo 3); desafia Josué com uma espada (Josué 5); etc.

6. Exemplos da Natureza

Estes incluem frutos caindo no chão e suas sementes voltando à vida (um exemplo de morte e ressurreição). Há muitos outros. O sol é visto como o rosto do Messias brilhando em glória. Uma árvore é vista como uma pessoa, com Yeshua como a árvore da vida. O maná é uma figura do Pão de Deus descendo do céu, etc. Uma vez que Deus é o criador, toda a natureza serve como testemunha de Seus propósitos (Salmo 19).

7. História do Povo de Israel

O nome Israel pode se referir biblicamente à pessoa de Jacó, ao povo de Israel ou à pessoa do Messias. A história de Israel recapitula a vida de Yeshua. A vida de Yeshua recapitula a história de Israel. Ambos desceram ao Egito. Ambos saíram do Egito. Os quarenta dias de testes de Yeshua no deserto são paralelos aos quarenta anos do povo vagando no deserto. O exílio e o reagrupamento do povo é paralelo à morte e ressurreição de Yeshua, esta após dois dias, o primeiro após dois mil anos. O servo sofredor é, às vezes, Yeshua e, outras vezes, o povo. A semente de Abraão é singular e plural. A vida do Messias e do povo de Israel estão unidos.

8. Princípios Teológicos

Além das categorias acima, o pensamento messiânico também se desenvolve em outros princípios teológicos ao longo das etapas das Escrituras. Por exemplo: O que é pecado? Arrependimento? Morte? Ressurreição? O reino de Deus? Luz dos gentios? O mundo por vir? Pena de morte enforcado em uma árvore? Significado da expiação como substituição da punição? Deus escondendo Sua face? Homem feito à imagem de Deus? O que é salvação?

Fique ligado para a Parte B – Cinco Profecias Messiânicas Fundamentais na Torá

הִנֵּה-בָאתִי בִּמְגִלַּת-סֵפֶר כָּתוּב עָלָי

“Eis aqui venho; no rolo do livro está escrito de mim:” (Salmo 40.7)

“E, começando por Moisés e por todos os profetas, explicava-lhes o que dele se achava em todas as Escrituras.” (Lucas 24.27)

Gostou? Compartilhe...

WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook
Imprimir

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continue lendo

Conteúdo Relacionado

Vento Forte a Noite Toda

Asher Intrater O Senhor disse a Josué que estaria com ele da mesma forma que estava com Moisés (Josué 1:5). De maneira semelhante, Yeshua disse a

A Presença Interior do Espírito Santo

Asher Intrater Os valores judaico-cristãos incluem padrões morais, fundamentos sociais e uma visão geral do mundo. Eles são essenciais à humanidade e a toda a